Busca avançada
Ano de início
Entree

Jose Donato Junior

CV Lattes ResearcherID ORCID


Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas (ICB)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

Professor Associado do Departamento de Fisiologia e Biofísica do ICB/USP. Realizou mestrado em Ciências dos Alimentos e doutorado em Ciências Morfofuncionais pela Universidade de São Paulo e pós-doutorado na University of Texas Southwestern Medical Center (EUA). Sua linha de pesquisa visa estudar circuitos neurais que regulam o balanço energético e a homeostase glicêmica, bem como a ação de hormônios regulando essas funções. Tem experiência nos seguintes temas: leptina, GH, obesidade, controle central da homeostase glicêmica, balanço energético e neuroendocrinologia. Emprega métodos neuroanatômicos, histológicos, de biologia molecular e de manipulação gênica para investigar mecanismos moleculares que predispõe à obesidade e ao diabetes mellitus via o estudo do funcionamento de circuitos neurais. (Fonte: Currículo Lattes)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o(a) pesquisador(a):
Un equilibrio delicado 
Equilíbrio delicado 
Enemigo de las dietas 
Enemigo de las dietas 
Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o(a) pesquisador(a)
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)
Auxílios à pesquisa
Bolsas no país
Bolsas no Exterior
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 26/11/2022
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Videos relacionados aos auxílios à pesquisa e bolsas

José Donato Junior


Publicado em 29 de abril de 2019 - Pesquisa FAPESP. Os pesquisadores José Donato Junior e Isadora Clivatti Furigo, do ICB-USP, falam sobre uma descoberta que indica que jejum faz hormônio do crescimento acionar neurônios que estimulam a fome e dificultam a perda de peso.

Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: