Busca avançada
Ano de início
Entree

Controle estereiodogênico da diferenciação sexual intrauterina em capivaras (Hydrochaerishydrochaeris)

Processo: 19/03138-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de maio de 2020 - 30 de abril de 2022
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Morfologia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Antônio Chaves de Assis Neto
Beneficiário:Antônio Chaves de Assis Neto
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados:Cristiane Schilbach Pizzutto
Assunto(s):Placenta  Gônadas  Adrenal 

Resumo

O objetivo do presente estudo é estabelecer os padrões de desenvolvimento morfológico, as características moleculares e as possíveis variações quantitativas das enzimas 5-alfa-redutase, enzima citocromo P450aromatase, citocromo P450c17, 3²-HSD, 17²-HDS e STAR ao longo dos diferentes estágios da gestação de capivaras. Para esta pesquisa serão analisados 30 conceptos nos estágios iniciais, intermediários e finais da gestação. Até o momento, foram coletadas 10 placentas com embriões/fetos ao longo dos diferentes estágios da gestação (estágio inicial, intermediário e final da prenhez). Ao longo da pesquisa, serão estabelecidos os padrões de desenvolvimento morfológico dos embriões e fetos por intermédio de dissecações macroscópicas, analises histológicas, ultraestruturais, avaliações moleculares nas gônadas, adrenais de embriões/fetos machos e fêmeas e na placenta. Também será avaliada as expressões dos hormônios anti-Mülleriano e receptores de andrógenos nos testículos e ovários nas diferentes fases gestacionais. O estudo permitirá entender a relação da gestação com os mecanismos estereidogênicos da diferenciação sexual, a formação dos órgãos genitais dos machos e fêmeas e as implicações no contexto do dimorfismo sexual da espécie. (AU)