Busca avançada
Ano de início
Entree

Mecanismos envolvidos com a inibição de aurora-quinases em carcinoma de adrenal

Processo: 10/08699-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2010
Vigência (Término): 31 de maio de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Saúde Materno-infantil
Pesquisador responsável:Luiz Gonzaga Tone
Beneficiário:Kleiton Silva Borges
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):12/09391-0 - Investigação molecular da função da CDKN1C (p57KIP2) e suas mutações no desenvolvimento e no tumor de adrenal, BE.EP.DR
Assunto(s):Carcinoma adrenocortical

Resumo

Tumores adrenocorticais (TAC) são neoplasias raras, os quais correspondem a apenas 0,2% de todos os cânceres pediátricos e estádios avançados da doença têm sido associados a baixos índices de sobrevida. Embora diversos estudos tenham buscado novos alvos terapêuticos para o tratamento do câncer, poucos avanços foram alcançados para as formas mais avançadas dos TAC pediátricos. Entre os alvos terapêuticos investigados, os genes da família aurora-quinases têm se destacado. Esta família compreende três homólogos de quinase de serina/treonina, os Aurora-A, B e C, que atuam em vários processos do ciclo celular, tais como, maturação dos centrossomos, organização do fuso mitótico e ancoragem das proteínas do fuso ao cinetocoro dos cromossomos. Em diferentes tipos de neoplasias, dois membros desta família, o Aurora-A e o Aurora-B, têm sido encontrados hiperexpressos. Desta forma, acredita-se que os mesmos desempenham um papel importante no estabelecimento do câncer e são potenciais alvos para o desenvolvimento de novas terapias. No caso dos TAC, não foram encontrados relatos da expressão destes genes em amostras pediátricas. Em estudo conduzido pelo nosso grupo foi verificada a associação da hiperexpressão do gene Aurora-B com características clínicas desfavoráveis em amostras de TAC pediátricas. Este dado sugere que este gene pode ser um possível alvo terapêutico para o tratamento de TAC pediátricos. Sendo assim, a proposta central deste projeto é investigar os mecanismos envolvidos com a inibição de aurora-quinases em linhagens de carcinoma de adrenal. Pretende-se identificar as respostas celulares a esta inibição e ainda os RNAs possivelmente regulados após o tratamento com o inibidor de aurora-quinases. Desta forma, será possível encontrar novos marcadores moleculares que esclareçam os mecanismos que fazem parte da inibição das aurora-quinases e ainda genes que possam ser utilizados no aprimoramento do tratamento. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BORGES, KLEITON S.; ANDRADE, AUGUSTO F.; SILVEIRA, VANESSA S.; MARCO ANTONIO, DAVID S.; VASCONCELOS, ELTON J. R.; ANTONINI, SONIR R. R.; TONE, LUIZ G.; SCRIDELI, CARLOS A. The aurora kinase inhibitor AMG 900 increases apoptosis and induces chemosensitivity to anticancer drugs in the NCI-H295 adrenocortical carcinoma cell line. ANTI-CANCER DRUGS, v. 28, n. 6, p. 634-644, JUL 2017. Citações Web of Science: 8.
BORGES, KLEITON SILVA; MORENO, DANIEL ANTUNES; MARTINELLI, JR., CARLOS EDUARDO; RAUBER ANTONINI, SONIR ROBERTO; DE CASTRO, MARGARET; TUCCI, JR., SILVIO; NEDER, LUCIANO; ZAMBELLI RAMALHO, LEANDRA NAIRA; SEIDINGER, ANA LUIZA; CARDINALLI, IZILDA; MASTELLARO, MARIA JOSE; YUNES, JOSE ANDRES; BRANDALISE, SILVIA REGINA; TONE, LUIZ GONZAGA; SCRIDELI, CARLOS ALBERTO. Spindle Assembly Checkpoint Gene Expression in Childhood Adrenocortical Tumors (ACT): Overexpression of Aurora Kinases A and B Is Associated With a Poor Prognosis. PEDIATRIC BLOOD & CANCER, v. 60, n. 11, p. 1809-1816, NOV 2013. Citações Web of Science: 14.
BORGES, KLEITON SILVA; BRASSESCO, MARIA SOL; SCRIDELI, CARLOS ALBERTO; EGEA SOARES, ADEMILSON ESPENCER; TONE, LUIZ GONZAGA. Antiproliferative effects of Tubi-bee propolis in glioblastoma cell lines. GENETICS AND MOLECULAR BIOLOGY, v. 34, n. 2, p. 310-314, 2011. Citações Web of Science: 19.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
BORGES, Kleiton Silva. Mecanismos Envolvidos com a Inibição de Aurora-Quinases em Carcinoma de Adrenal. 2014. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto Ribeirão Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.