Busca avançada
Ano de início
Entree

Abordagem integrativa in silico na análise causal do desenvolvimento de Apis mellifera

Processo: 12/02757-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2012
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética
Pesquisador responsável:Zilá Luz Paulino Simões
Beneficiário:Daniel Guariz Pinheiro
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:11/03171-5 - Análise causal do desenvolvimento de Apis mellifera - genes reguladores e redes hierárquicas de expressão gênica na especificação de tecidos e órgãos, AP.TEM
Assunto(s):Transcriptômica   Biologia computacional   Genômica   MicroRNAs   Expressão gênica

Resumo

A Apis mellifera é a espécie mais representativa das abelhas do gênero Apis, a qual foi domesticada para a produção de mel, geléia real, cera ou própolis, além do pólen apícola e da apitoxina. Essa espécie é caracterizada especialmente pela alta produtividade, resistência, adaptabilidade e eficiência na polinização. Os indivíduos que habitam a colônia estão organizados em castas (rainhas, operárias e zangões) e apresentam características morfológicas e fisiológicas, que estão relacionadas com as diferentes funções que exercem na colônia. Esses insetos são de grande relevância econômica, não somente pela produção apícola, mas também porque são excelentes polinizadores na natureza e em cultivares agrícolas. Estudos recentes reportam um declínio nas populações desses agentes polinizadores, associado a um impacto negativo na manutenção da diversidade de plantas silvestres, na estabilidade dos ecossistemas naturais, na produção agrícola, na segurança alimentar e no bem-estar humano. Portanto, é notável a importância e a urgência de se compreender profundamente os aspectos da genética, fisiologia e comportamento dos sistemas biológicos em questão, permitindo o desenvolvimento de práticas de gestão, manejo e conservação mais eficientes. Há muitos aspectos sobre a regulação dos processos biológicos durante o desenvolvimento das abelhas que permanecem desconhecidos, tais como o papel dos microRNAs (miRNAs). Portanto, a intenção deste trabalho será identificar os miRNAs envolvidos no processo de ativação ovariana em abelhas operárias órfãs e investigar o papel desses miRNAs na regulação pós-transcricional dos mRNAs. Amostras de mRNAs e miRNAs em ovários ativados e inativados de abelhas operárias Apis mellifera, criadas em diferentes condições ambientais, serão investigadas. Os dados foram obtidos por meio do protocolo RNA-Seq, que utiliza as mais recentes tecnologias para o sequenciamento de DNA (Next-Generation Sequencers - NGS). Pretendemos identificar redes de regulação gênicas por meio de uma abordagem sistêmica, integrando dados, métodos e ferramentas computacionais para entender mais profundamente as instruções transmitidas pelo genoma para a regulação gênica durante o processo de ativação ovariana em abelhas operárias de Apis mellifera.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BRANDAO MIYOSHI, NEWTON SHYDEO; PINHEIRO, DANIEL GUARIZ; SILVA, JR., WILSON ARAUJO; FELIPE, JOAQUIM CEZAR. Computational framework to support integration of biomolecular and clinical data within a translational approach. BMC Bioinformatics, v. 14, JUN 6 2013. Citações Web of Science: 11.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.