Busca avançada
Ano de início
Entree

Aplicação do método partial least squares para análise de ressonância magnética funcional de repouso: estudo sobre envelhecimento cerebral e memória autobiográfica

Processo: 12/11898-5
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado Direto
Vigência (Início): 02 de janeiro de 2013
Vigência (Término): 01 de janeiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Psiquiatria
Pesquisador responsável:Geraldo Busatto Filho
Beneficiário:Luiz Roberto Kobuti Ferreira
Supervisor no Exterior: Anthony Randal Mcintosh
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Toronto (U of T), Canadá  
Vinculado à bolsa:10/17083-8 - Funcionamento cerebral em idosos durante recuperação de memória autobiográfica: um estudo de ressonância magnética funcional, BP.DD
Assunto(s):Psiquiatria geriátrica   Memória autobiográfica   Envelhecimento   Doenças neurodegenerativas   Imagem por ressonância magnética funcional   Conectividade cerebral

Resumo

O envelhecimento da população é um fenômeno atual que gera grandes desafios de saúde pública, sobretudo por estar relacionado a aumento de prevalência de doenças neurodegenerativas. Além disso, o próprio envelhecimento está associado a declínio cognitivo. A ressonância magnética funcional (RMf) permite estudar o cérebro humano e sua modalidade de repouso tem sido foco de muitos estudos pela sua aplicabilidade e potencial de uso futuro na prática clínica. Esta modalidade permite análises de conectividade cerebral, que se encontram alteradas no envelhecimento e se correlacionam com desempenho cognitivo. O cíngulo posterior tem sido uma das regiões cerebrais mais estudadas no envelhecimento e tem papel importante em funções cognitivas que envolvem memória e processamento autorreferencial. Estas duas funções são fundamentais para desempenho em tarefas de memória autobiográfica, que se encontra prejudicada em idosos. Um desafio atual na área de neuroimagem e conectividade cerebral é a otimização de técnicas de análise deste tipo de dado. Uma destas é o Partial Least Squares (PLS), uma ténica multivariada validada, flexível e promissora desenvolvida para a área de neuroimagem pelo Prof. A. R. McIntosh da Universidade de Toronto.Objetivos: determinar as regiões cerebrais onde há diferenças de conectividade cerebral funcional de repouso entre idosos e adultos jovens utilizando o método PLS baseado em uma região-semente no cíngulo posterior e identificar correlações entre desempenho em memória autobiográfica e conectividade funcional.Métodos: RMf de repouso será adquirida em 20 adultos jovens e 20 idosos saudáveis e em seguida será realizada entrevista autobiográfica contendo doze eventos autobiográficos que serão pontuados de acordo com métodos padronizados. Os dados de RMf serão pré-processados usando o programa SPM8 e os ruídos cardiorrespiratórios serão minimizados através do programa Aztec. Os dados serão processados utilizando o método PLS: os dados do cíngulo posterior e do restante do cérebro serão incluídos em duas matrizes; as informações destas matrizes serão combinadas resultando em uma matriz de correlação; esta será decomposta gerando variáveis latentes que refletem a relação entre a região-semente e o resto do cérebro. Teste de permutação será usado para verificar significância estatística (p<0,05). O mapa de correlação de jovens será comparado com o dos idosos. Também verificaremos se há correlação entre desempenho em memória autobiográfica e conectividade funcional de repouso. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FERREIRA, LUIZ KOBUTI; BROCANELLO REGINA, ANA CAROLINA; KOVACEVIC, NATASA; MORAIS MARTIN, MARIA DA GRACA; SANTOS, PEDRO PAIM; CARNEIRO, CAMILA DE GODOI; KERR, DANIEL SHIKANAI; AMARO, JR., EDSON; MCINTOSH, ANTHONY RANDAL; BUSATTO, GERALDO F. Aging Effects on Whole-Brain Functional Connectivity in Adults Free of Cognitive and Psychiatric Disorders. CEREBRAL CORTEX, v. 26, n. 9, p. 3851-3865, SEP 2016. Citações Web of Science: 39.
FERREIRA, LUIZ K.; TAMASHIRO-DURAN, JAQUELINE H.; SQUARZONI, PAULA; DURAN, FABIO L.; ALVES, TANIA C.; BUCHPIGUEL, CARLOS A.; BUSATTO, GERALDO F. The link between cardiovascular risk, Alzheimer's disease, and mild cognitive impairment: support from recent functional neuroimaging studies. Revista Brasileira de Psiquiatria, v. 36, n. 4, p. 344-357, OCT-DEC 2014. Citações Web of Science: 5.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.