Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos do tratamento com hidroxiuréia na cavidade bucal de pacientes pediátricos com anemia falciforme

Processo: 14/13469-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2014
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Clínica Odontológica
Pesquisador responsável:Cristiane Yumi Koga Ito
Beneficiário:Marcia Hiromi Tanaka
Instituição-sede: Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):16/09670-7 - Efeitos do tratamento com hidroxiuréia na cavidade bucal de pacientes pediátricos com anemia falciforme, BE.EP.PD
Assunto(s):Anemia falciforme   Imunoglobulina M   Imunoglobulina A   Microbiologia aplicada   Hidroxiureia   Streptococcus mutans   Proteínas e peptídeos salivares

Resumo

A hidroxiuréia (HU) tem sido considerada uma opção terapêutica eficiente para o controle da anemia falciforme (AF) em pacientes pediátricos. Contudo, na literatura, não foram detectados estudos a respeito de seus efeitos sobre a microbiota bucal, saliva e odontogênese de crianças com AF tratados com HU. Serão incluídas no presente estudo 125 crianças com idades de 6 a 14 anos divididas em 5 grupos: G1(25 crianças com AF no início do tratamento com HU), G2 (25 crianças com AF e estejam em tratamento HU por 3 meses), G3 (25 crianças com AF e estejam em tratamento HU por 6 meses), G4 (25 crianças com anemia falciforme e não submetidos à HU) e G5 (25 crianças sistemicamente saudáveis com perfil semelhante, controle pareado). Este trabalho será dividido em 3 subprojetos. O primeiro subprojeto envolverá os grupos G3, G4 e G5 e terá como propósito avaliar na cavidade bucal de pacientes pediátricos com AF sob tratamento com hidroxiuréia HU ou não, comparando com controles: 1) a presença de lesões e de micro-organismos potencialmente superinfectantes; e 2) a incidência de cáries e o risco de cárie, por meio do estudo dos fatores microbiológicos e imunológicos inerentes à saliva e 3) o proteoma salivar. Para tanto, serão realizadas a) avaliação da presença de espécies do gênero Candida, estafilococos, enterobactérias e Pseudomonas, assim como da suscetibilidade antimicrobiana dos isolados; b) estudo da associação entre ceo-d/CPO-D, presença de bactérias cariogênicas e quantificação de IgA e IgM anti-Streptococcus mutans; c) espectrometria de massa. O segundo subprojeto envolverá os grupos G1, G2 e G3 e tem como escopo principal o estudo longitudinal da microbiota bacteriana e proteoma salivar em crianças tratadas com hidroxiuréia pelos períodos de três e seis meses. Para tanto, as amostras serão coletadas no baseline, após 3 e 6 meses de tratamento e analisadas pela técnica Human Oral Microbe Identification using Next Generation Sequencing (HOMINGS) e espectrometria de massa. No subprojeto 3, o efeito da hidroxiuréia sobre a odontogênese e mineralização dos tecidos dentários será avaliado. Para tanto, será utilizado modelo murino com foco no incisivo de crescimento contínuo. Cinquenta e quatro ratos Wistar serão divididos em 3 grupos (n=18): Grupo 1, animais tratados com dose única de HU; Grupo 2, animais tratados com dose diária por uma semana de hidroxiuréia e Grupo controle, os animais receberão apenas solução fisiológica. Os espécimes serão analisados por microscopia óptica, microradiografia transversal e microscopia eletrônica de varredura. Os dados obtidos nos ensaios serão analisados estatisticamente com auxílio do programa GraphPad Prism versão 3.02 (GraphPad Software Inc., San Diego, CA, USA). Para empregar o teste mais adequado, será realizado um teste de normalidade da distribuição amostral, verificando a aderência à curva normal. Então, será aplicada análise adequada para cada resultado. O nível de significância será estabelecido em 5%.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
TEODORO, GUILHERME RODRIGUES; LACERDA GONTIJO, ALINE VIDAL; BORGES, ALINE CHIODI; TANAKA, MARCIA HIROMI; GOUVEA LIMA, GABRIELA DE MORAIS; SALVADOR, MARCOS JOSE; KOGA-ITO, CRISTIANE YUMI. Gallicacid/hydroxypropyl-beta-cyclodextrin complex: Improving solubility for application on in vitro/in vivo Candida albicans biofilms. PLoS One, v. 12, n. 7 JUL 11 2017. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.