Busca avançada
Ano de início
Entree

Determinação da via de sinalização dependente de flagelina/NLRC 4 e independente de caspase-1/caspase- 11 que opera no controle da infecção por Legionella spp

Processo: 14/00794-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2014
Vigência (Término): 30 de abril de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Celular
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Dario Simões Zamboni
Beneficiário:Danielle Pini Alves Mascarenhas
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Legionella pneumophila   Inflamassomos   Imunidade inata   Controle de infecções

Resumo

Legionella pneumophila é uma bactéria intracelular facultativa responsável por causar uma pneumonia atípica conhecida como "Doença dos Legionários". Estudos utilizando camundongos geneticamente alterados demonstraram que moléculas presentes no citoplasma de macrófagos infectados, tais comoNAIP5 e NLRC 4, participam do controle da infecção bacteriana por um processo dependente de caspase-1.Dados da literatura tem demonstrado que o inflamassoma composto por NLRC 4 e NAIP5 reconhece flagelina bacteriana no citoplasma da célula hospedeira, culminado com a ativação de caspase-1 e morte celular resultando assim no controle da infecção. Já a molécula ASC foi demostrada por participar na ativação de caspase-1 via o receptor NLRP3 ou via AIM2 e ser necessária para a secreção de citocinas inflamatórias como IL-18 e IL-1². No entanto, camundongos deficientes para ASC (assim como seus macrófagos) são capazes de controlar a infecção normalmente. Esses resultados suportam a hipótese de que ASC não participa do processo de ativação de caspase-1 via NAIP5/NLRC 4. Em 2011, nosso grupo demonstrou uma nova via que participa no controle da replicação bacteriana por um processo dependente do reconhecimento de flagelina por NLRC 4, porém independente de caspase-1 e caspase-11, contudo o mecanismo que opera essa via permaneceu obscuro. Dados recentemente gerados pelo nosso grupo (e não publicados ainda) sugerem que ASC participa dessa via dependente de NAIP5/NLRC 4 e independente de caspase-1/caspase-11. Diante disso, o presente projeto visa determinar os componentes dessa via e avaliar os mecanismos funcionais pelos quais essa nova via leva ao controle da infecção de L. pneumophila. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MASCARENHAS, DANIELLE P. A.; ZAMBONI, DARIO S. Inflammasome biology taught by Legionella pneumophila. Journal of Leukocyte Biology, v. 101, n. 4, p. 841-849, APR 2017. Citações Web of Science: 4.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MASCARENHAS, Danielle Pini Alves. A ativação de caspase-8 no inflamassoma de Naip5/NLRC4 em resposta a infecção por Legionella pneumophila. 2018. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto Ribeirão Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.