Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de um sistema automatizado de microextração em fase sólida baseado em um arranjo de microsseringas com sorvente empacotado para o preparo simultâneo de múltiplas amostras

Processo: 14/03765-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2014
Vigência (Término): 31 de outubro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Analítica
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Fernando Mauro Lanças
Beneficiário:Deyber Arley Vargas Medina
Instituição-sede: Instituto de Química de São Carlos (IQSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):16/21950-5 - Estratégias automatizadas para preparo de amostras miniaturizado: SDME com agitação na seringa e integração online com a cromatografia líquida, BE.EP.DR
Assunto(s):Inovações tecnológicas

Resumo

A microextração por sorvente empacotado (MEPS) tem se consolidado nos últimos anos como uma técnica de preparo de amostras versátil, de baixo custo e compatível com os princípios da química analítica verde, permitindo a manipulação de pequenos volumes de amostra com alta eficiência na recuperação dos analitos. A maior parte das aplicações da MEPS implica na utilização da técnica de forma manual ou acoplada at line aos sistemas cromatográficos através de injetores automáticos (autosampler), os quais preparam as amostras individualmente e sequencialmente. Esses sistemas apresentam alto custo e até o momento não existem dispositivos nacionais para essa finalidade. A presente proposta de pesquisa procura desenvolver o protótipo de um sistema para preparo de amostras off-line, baseado em MEPS, que permita preparar simultaneamente um conjunto de amostras de forma automatizada, permitindo o desenvolvimento de métodos rápidos, baratos e altamente reprodutíveis. Adicionalmente, levando-se em conta que a miniaturização da cromatografia líquida tem permitido aumentar consideravelmente a sensibilidade dos métodos analíticos e que a associação das técnicas miniaturizadas de preparo de amostra, como a MEPS, com métodos cromatográficos miniaturizados não tem sido amplamente explorada; uma segunda componente do projeto busca associar o preparo de amostras mediante MEPS automatizada off-line a análises baseadas em cromatografia líquida capilar (cLC), com pré-concentração online de todo o extrato produzido. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MEDINA, Deyber Arley Vargas. Aplicações de robótica open-source na automatização do preparo de amostra para a análise cromatográfica de compostos orgânicos. 2018. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Química de São Carlos São Carlos.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.

Patente(s) depositada(s) como resultado deste projeto de pesquisa

Solicitação em análise e dentro do prazo legal de sigilo previsto na legislação BR1020180093304 - Universidade de São Paulo (USP) . Solicitação em análise e dentro do prazo legal de sigilo previsto na legislação - 08 de maio de 2018