Busca avançada
Ano de início
Entree

Alterações moleculares no gene da banda 3 (ânion exchanger 1) na esferocitose hereditária e o envolvimento da isoforma renal no equilíbrio ácido-básico

Processo: 97/00939-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 1997
Vigência (Término): 31 de agosto de 2000
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Sara Teresinha Olalla Saad
Beneficiário:Paulo Roberto Moura Lima
Instituição-sede: Centro de Hematologia e Hemoterapia (HEMOCENTRO). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Anemia hemolítica   Esferocitose hereditária

Resumo

O presente projeto tem o objetivo de investigar as alterações moleculares e regulação do gene da banda 3 nas esferocitoses hereditárias em 5 famílias cuja alteração protéica já foi caracterizada. Este estudo será levado a efeito através de rastreamento de mutações e polimorfismos no gene mencionado, incluindo a região promotora, que também pode estar envolvida na fisiopatologia da doença. Para detecção das alterações moleculares serão utilizadas as técnicas de análise de polimorfismo de conformação em fita simples (SSCP) e seqüenciamento. Para estudo do cDNA, a transcrição reversa do mRNA extraído de reticulócitos será realizada por RT-PCR . É também objetivo investigar as alterações renais de pacientes com esferocitose hereditária e deficiência de banda 3 uma vez que esta proteína também se expressa em membrana basolateral de células alfa intercaladas do túbulo coletor cortical, onde é responsável pela reabsorção de bicarbonato compensando a secreção ácida pela H+ATPase vacuolar apical, participando da regulação fina do equilíbrio ácido-básico. Cabe ressaltar que, tanto a banda 3 eritrocitária como a renal são isoformas de um mesmo gene e que, devido a um promotor alternativo no intron 3, diferem quanto à transcrição, no rim, de um mRNA, com ausência dos 3 primeiros exons. Os estudos renais serão realizados através de testes de acidificação urinária e obtenção de medidas de bicarbonatúria, pH urinário, acidez titulável e excreção de amônia basais e após estímulo com furosemida . Estudaremos o contra-transporte de sódio e lítio em hemácias de pacientes com esferocitose hereditária, uma vez que este estudo é uma medida indireta do contra-transporte Na+/H+, também envolvido na regulação do pH intracelular do eritrócito e na homeostase ácido-básico do organismo por secretar ácido e reabsorver sódio em epitélio renal. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
LIMA, Paulo Roberto Moura. Alterações moleculares no gene da banda 3 (AEI) na esferocitose hereditaria e a participação da isoforma renal no equilibrio acido-basico. 2000. Tese de Doutorado - Universidade Estadual de Campinas. Instituto de Biologia.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.