Busca avançada
Ano de início
Entree

Aparecida Maria Fontes

CV Lattes ResearcherID ORCID


Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

É Professora Doutora II do Departamento de Genética da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (FMRP-USP). Graduação em Ciências Biológicas pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP-USP) (1987). Mestrado em Morfologia - Biologia Celular e Molecular pela FMRP-USP (1991) e Doutorado em Biologia Celular e Molecular pela FMRP - USP (1996). Fez um primeiro pós-doutorado no Depto de Genética da CWRU, Cleveland, USA (1999) atuando na área de Genética do Desenvolvimento e utilizando Drosophila melanogaster como organismo modelo para identificar mecanismos de instabilidade de genes do início da embriogênese. Fez um segundo pós-doutorado na mesma Universidade no Depto de Oncologia/ Hematologia (2001) desenvolvendo projeto de pesquisa na área de Câncer, com foco em Terapia Gênica do Câncer tendo como objetivo caracterizar variantes do gene de reparo MGMT quanto a resistência às drogas quimioterapêuticas benzilguanina (BG) + BCNU ou BG + Temozologimia. Foi Pesquisadora Científico Tecnológico II da Fundação Hemocentro de Ribeirão Preto de 2003 a 2013 tendo trabalhado na área de Células-Tronco, Câncer e Hemofilia A e B. É membro da Sociedade Brasileira de Genetica (SBG); da Sociedade Americana de Terapia Genica e Celular (ASGCT), da Sociedade de RNA e da Sociedade Européia de Terapia Gênica e Celular (ESGCT). Atualmente, desenvolve projetos de pesquisa em duas áreas: (1) Terapia Gênica para Doenças de Depósito Lisossomal tendo como foco Doença de Gaucher. O objetivo é o desenvolvimento de construções lentivirais, por meio da Biologia Sintética, portadoras do gene terapêutico selvagem e mutante. Esses vetores lentivirais poderão ser utilizados em protocolos de terapia gênica ex-vivo, bem como, para o desenvolvimento de nova molécula recombinante para Terapia de Reposição Enzimática das doenças acima mencionadas. (2) Câncer: sendo o interesse principal tumores pediátricos meduloblastoma (MB) e leucemia mieloide aguda (LMA) visando compreender mecanismos mecanismos genéticos e epigenéticos que possam estar desregulados em MB e LMA e associados com genes supressores tumorais, oncogenes, genes associados com reparo de DNA, genes Hox, RNAs longos não codificadores e proteínas remodeladoras de cromatina com o objetivo de identificar novos alvos terapêuticos antitumorais. No cenário da atual Pandemia COVID-19 está buscando recursos financeiros para atuar na área com foco nos estudos que visam o desenvolvimento de uma vacina de mRNA anti-SARS-CoV-2 com dois diferenciais em relação as vacinas de mRNA atuais da Pfizer e Moderno e o uso de biosensores contendo eletrodos de diamante funcionalizados com aptâmeros de RNA para o diagnóstico de SARS-CoV-2. (Fonte: Currículo Lattes)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o(a) pesquisador(a):
Aliados inverosímiles 
Aliados improváveis 
Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o(a) pesquisador(a)
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)
Auxílios à pesquisa
Bolsas no país
Bolsas no Exterior
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 26/11/2022
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: