Busca avançada
Ano de início
Entree

Relação da apneia obstrutiva do sono e suas comorbidades com a microbiota intestinal: interface com sexualidade e função reprodutiva

Processo: 20/13467-8
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de novembro de 2022 - 31 de outubro de 2027
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Monica Levy Andersen
Beneficiário:Monica Levy Andersen
Instituição Sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Pesquisadores associados:Daniela Santoro Rosa ; David Gozal ; Dulce Elena Casarini ; Frida Entezami ; Gabriel Natan de Souza Pires ; Marise Samama ; Renata Mazaro e Costa ; Ronaldo Delmonte Piovezan ; Sergio Tufik
Auxílios(s) vinculado(s):23/01555-8 - Distúrbios de sono, função sexual e fértil masculina: uma abordagem celular e molecular, AP.R
Assunto(s):Apneia obstrutiva do sono  Disfunção erétil  Infertilidade masculina  Hipóxia intermitente  Medicina do sono  Sono  Microbioma gastrointestinal 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:apneia obstrutiva do sono | disfunção erétil | fertilidade masculina | Hipóxia Intermitente | microbiota gastrointestinal | Sono | Medicina do Sono

Resumo

A má qualidade do sono está intimamente conectada à comorbidades em diversos sistemas orgânicos. Entre os distúrbios de sono na população, houve um aumento recente na prevalência da apneia obstrutiva do sono (AOS), principalmente em homens. Com a hipóxia intermitente decorrente da AOS, condições fisiopatológicas passam a se manifestar. Destacam-se a piora da função reprodutiva, em especial relacionada à disfunção erétil (DE) e ao perfil hormonal com repercussões negativas no processo espermatogênico; e a alteração na microbiota gastrointestinal, que pode sofrer mudanças da sua composição em resposta à hipóxia, e consequente disbiose prejudicial ao organismo. Considerando-se essas variadas interrelações biológicas, o presente Projeto Temático pretende estudar o impacto desse distúrbio de sono na função reprodutiva e estabelecer correlações com a microbiota gastrointestinal, tanto em voluntários humanos quanto em modelos animais. A comparação de grupos de homens com e sem AOS, tratados ou não com aparelho de pressão positiva contínua nas vias aéreas (CPAP), e a influência da AOS e da microbiota gastrointestinal sobre a função reprodutiva serão investigadas por meio da análise hormonal, seminal, genômica e de exossomos produzidos pelo tecido entérico. Acreditamos que os resultados deste projeto servirão como base para o desenvolvimento de ferramentas diagnósticas direcionadas à AOS, a aspectos da fertilidade humana e à microbiota gastrointestinal, além de expandirem substancialmente a compreensão das interrelações fisiopatológicas entre esses tópicos. O Projeto também fornecerá subsídios para novas medidas terapêuticas direcionadas à fertilidade masculina, incluindo a DE, e à AOS. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
VALENTE, HELOISA B.; MORELHAO, PRISCILA K.; ANDERSEN, MONICA L.; TUFIK, SERGIO; VANDERLEI, LUIZ CARLOS M.. The role of chronotype in physical behaviors in individuals with cardiovascular disease. Sleep and Breathing, v. N/A, p. 2-pg., . (20/13467-8)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.