Busca avançada
Ano de início
Entree

Papel de Dicer em adipócitos controlando a função imune e a ativação das células beges no tecido adiposo

Processo: 16/12294-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2017
Situação:Interrompido
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Marcelo Alves da Silva Mori
Beneficiário:Andréa Livia Silva Rocha
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):19/10592-9 - Determinando os mecanismos de comunicação entre macrófagos e adipócitos mediados por miRNAs, BE.EP.DR
Assunto(s):Metabolismo   Dicer   Inflamação   MicroRNAs

Resumo

A obesidade é uma doença epidêmica com graves complicações à saúde. O recrutamento de adipócitos beges no tecido adiposo branco - um fenômeno denominado browning - e o consequente aumento da termogênese e do gasto energético representa uma intervenção promissora para combater a obesidade e suas doenças relacionadas. Algumas células imunes do tecido adiposo (como os eosinófilos e os macrófagos), quando estimuladas pelo frio, por exemplo, podem induzir o recrutamento de células beges por meio de mediadores anti-inflamatórios como as interleucinas 33, 4 e 13, além da produção local de catecolaminas. MiRNAs foram igualmente implicados na regulação da adipogênese e na manutenção da identidade funcional do adipócito marrom/bege. Consistente com esta observação, camundongos AdicerKO, com nocauteamento adipócito-específico de Dicer - uma enzima responsável pelo processamento de miRNAs - apresentam um quadro de lipodistrofia parcial e são incapazes de fazer browning. Nossos dados preliminares ainda sugerem que a ausência de Dicer em adipócitos altera a população de células imunes residentes no tecido adiposo de camundongos jovens, provendo um ambiente pró-inflamatório antes mesmo dos animais manifestarem qualquer outra alteração morfológica e fisiopatológica no tecido adiposo. Assim, a proposta desse estudo é investigar como a presença de Dicer e miRNAs em adipócitos maduros pode modular a diferenciação de adipócitos beges, e se esse fenômeno está relacionado com alterações inflamatórias locais. Primeiramente analisaremos se o perfil de citocinas e células imunes residentes no tecido adiposo subcutâneo de camundongos machos jovens AdicerKO expostos ou não ao frio crônico (6oC por 3 dias) é alterado em relação ao animal selvagem. Avaliaremos também se o bloqueio de browning desses animais depende de uma modulação inflamatória e se adipócitos maduros de animais AdicerKO podem induzir a polarização/ativação de macrófagos M1 in vitro. Investigar como a presença de Dicer em adipócitos controla o remodelamento das células imunes residentes no tecido adiposo e impacta no desenvolvimento de adipócitos beges pode revelar mecanismos importantes para a prevenção da obesidade e de suas consequências deletérias.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LUDWIG, RAISSA G.; ROCHA, ANDREA L.; MORI, MARCELO A. Circulating molecules that control brown/beige adipocyte differentiation and thermogenic capacity. Cell Biology International, v. 42, n. 6, SI, p. 701-710, JUN 2018. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.