Busca avançada
Ano de início
Entree

Combinação racional entre checkpoint blockade e terapia gênica com p19Arf e IFN-b em modelo murino de melanoma

Processo: 18/25555-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de abril de 2019
Vigência (Término): 31 de março de 2023
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Aplicada
Pesquisador responsável:Bryan Eric Strauss
Beneficiário:Ana Carolina Martins Domingues
Instituição-sede: Instituto do Câncer do Estado de São Paulo Octavio Frias de Oliveira (ICESP). Coordenadoria de Serviços de Saúde (CSS). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:15/26580-9 - Terapia gênica do câncer: alinhamento estratégico para estudos translacionais, AP.TEM
Assunto(s):Imuno-oncologia   Melanoma   Terapia genética   Modelos animais de doenças

Resumo

A ação do sistema imune inclua regulagem por immune checkpoints (ICP) - vias de inibição e ativação das células imunitárias, principalmente linfócitos T. Células cancerosas e células apresentadoras de antígenos (APCs) encontradas no microambiente tumoral podem expressar ligantes de receptores ICP de forma alterada, consequentemente enfraquecendo a resposta imune à doença. O bloqueio do ICP proteína 4 associada a linfócito T citotóxico (CTLA-4) e da morte programa 1 (PD-1) ou seu ligante (PD-L1), revolucionou o tratamento do Câncer, especialmente do Melanoma. Mesmo assim, sua aplicação como monoterapia ou quando combinados entre si não fornece benefício para todos os pacientes e ainda pode desencadear efeitos colaterais. Desta forma, se faz necessária a continuação do aprimoramento de imunoterapias. Nosso grupo vem desenvolvendo uma imunoterapia envolvendo a transferência gênica de p19Arf e interferon-² (IFN²), porém procuramos potencializar seu efeito quando associado ao checkpoint blockade. Neste trabalho, avaliaremos potenciais ICPs desregulados frente ao tratamento de Melanoma murino com transferência gênica de p19Arf e IFN² para posteriormente aplicar uma combinação racional entre checkpoint blockade e nossa abordagem de terapia gênica. (AU)