Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento e implementação de um sistema on-line de previsão de epidemias de podridão floral dos citros

Processo: 14/19933-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de dezembro de 2014 - 30 de novembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Lilian Amorim
Beneficiário:Lilian Amorim
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Pesq. associados: Angelica Giarolla ; Chou Sin Chan ; Geraldo José da Silva Junior ; Josiane Ferreira Bustamante Fonseca ; Natália Aparecida Rodrigues Peres
Assunto(s):Fitopatologia  Podridão (doença de planta)  Colletotrichum  Fungicidas  Manejo e tratos culturais  Previsão climatológica 

Resumo

O controle da podridão floral dos citros vem sendo realizado de forma preventiva, com aplicações de fungicidas baseadas em calendário fixo na região sudoeste paulista, onde a doença ocorre com frequência. Embora frequente, a intensidade das epidemias é muito variável, atingindo proporções alarmantes em anos de invernos chuvosos, como em 2009, e níveis que não causam prejuízos à produção quando ocorrem chuvas esparsas e de baixa intensidade. A ocorrência de epidemias explosivas não é regra e o controle intensivo da doença é desnecessário em anos de baixa favorabilidade climática. Sistemas de previsão de epidemias servem justamente para otimizar as aplicações de fungicidas, direcionando as pulverizações para o momento favorável à infecção. O objetivo deste projeto é desenvolver e implementar um sistema de previsão de epidemias da podridão floral dos citros, de fácil acesso ao citricultor do sudoeste paulista. Esse sistema será baseado em resultados obtidos no projeto temático 2008/54176-4, no qual foram determinadas as condições favoráveis ao desenvolvimento da podridão floral em diferentes estádios de desenvolvimento da flor. O projeto será realizado em 4 etapas sequenciais: 1 - Determinação do melhor método de estimativa do período de molhamento que será usado no sistema de previsão, utilizando sensores de estações meteorológicas ou modelos matemáticos; 2 - Determinação do limiar de ação para a aplicação de fungicidas em pomares da região sudoeste paulista; 3- Avaliação da acurária e da precisão da previsão do tempo para o sudoeste paulista, fornecida pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE); 4 - Desenvolvimento de uma plataforma on-line de previsão de risco da doença. Uma equipe interdisciplinar compõe este projeto, com expertise em epidemiologia da podridão floral e sistemas de previsão de tempo/clima e de doença, de diferentes instituições: ESALQ-USP, Fundecitrus, CPTEC-INPE e Universidade da Flórida. Espera-se oferecer um sistema de previsão para a podridão floral validado no campo, de fácil manuseio pelos citricultores, inclusive com alertas de risco via smartphone, que inclua não apenas o risco imediato de infecção, mas também o risco futuro, em função da previsão do tempo. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Pesquisadores desenvolvem sistema para prever doença em citros 

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GAMA, ANDRE B.; SILVA JUNIOR, GERALDO JOSE; PERES, NATALIA A.; MOLINA, JUAN EDWARDS; DE LIMA, LILIAN M.; AMORIM, LILIAN. A Threshold-Based Decision-Support System for Fungicide Applications Provides Cost-Effective Control of Citrus Postbloom Fruit Drop. PLANT DISEASE, v. 103, n. 9, p. 2433-2442, SEP 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.