Busca avançada
Ano de início
Entree

Sepse: mecanismos, alvos terapêuticos e epidemiologia

Processo: 17/21052-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de julho de 2018 - 30 de junho de 2023
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Reinaldo Salomão
Beneficiário:Reinaldo Salomão
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Pesquisadores principais:Flavia Ribeiro Machado ; Ivan Hong Jun Koh ; Luciano Cesar Pontes de Azevedo
Pesq. associados:Alexandre Keiji Tashima ; Ana Maria Alvim Liberatore ; Francisco Garcia Soriano ; Milena Karina Coló Brunialti
Auxílios(s) vinculado(s):20/05110-2 - Estudo de coorte prospectiva para avaliação de aspectos clínicos, virológicos e de resposta do hospedeiro em pacientes com COVID-19, AP.R
Bolsa(s) vinculada(s):20/16407-6 - Estudo da resposta térmica corporal durante a fase hiperaguda da sepse em ratos e sua correlação com a mortalidade, BP.IC
20/16408-2 - Estudo da resposta térmica corporal durante a fase hiperaguda do choque séptico em ratos e sua correlação com a mortalidade, BP.IC
20/05077-5 - Alterações do metabolismo energético em células mononucleares de sangue periférico tolerantes à endotoxina, BP.MS
+ mais bolsas vinculadas 20/01034-0 - Análise computacional para o diagnóstico da disfunção de órgãos na Sepse baseada na hemodinâmica microcirculatória, BP.PD
19/20532-3 - Análise proteômica quantitativa nas amostras de células mononucleares (PBMC) e polimorfonucleares (PMN) de pacientes com Sepse e voluntários sadios, com foco em proteínas relacionadas ao metabolismo energético e oxidativo, além da função mitocondrial, BP.PD
19/01135-3 - Estudo do padrão da dinâmica circulatória em sobreviventes da sepse: pesquisa experimental em ratos, BP.IC
18/24189-9 - Perfil epidemiológico de pacientes com Sepse no Brasil: das unidades de urgência às unidades de terapia intensiva, BP.TT
18/18418-5 - Reparo de DNA, estresse oxidativo e disfunção metabólica na sepse- investigação de possível alvo terapêutico, BP.PD
18/19855-0 - Avaliação do metabolismo celular em células mononucleares de sangue periférico tolerantes à endotoxina, BP.IC - menos bolsas vinculadas
Assunto(s):Epidemiologia  Sepse  Expressão gênica  Terapêutica  Brasil 

Resumo

No Brasil, cerca de um terço dos leitos de terapia intensiva é ocupado por pacientes sépticos, com uma taxa de mortalidade de 55,7% em comparação com as médias mundiais de 26% relatadas recentemente. Nesse projeto pretendemos integrar investigação básica e clínica na Sepse, abrangendo da patogênese e desenvolvimento de estratégias de intervenção até estudos epidemiológicos que nos permitam conhecer a realidade da Sepse em nosso país. O projeto abrange três linhas de investigação: pesquisa translacional, pesquisa experimental e pesquisa epidemiológica. Essas linhas estão estruturadas em três eixos integrados de ação: 1- pesquisa translacional: constituímos rede de hospitais, que acompanharão prospectivamente pacientes com Sepse, com armazenamento de informações clínicas e epidemiológicas. Amostras biológicas dos pacientes serão processadas no laboratório de imunologia, onde serão conduzidos estudos de expressão gênica, proteica e função celular com foco no imunometabolismo; um possível alvo terapêutico deve ser testado em uma intervenção - prova de conceito; 2- pesquisa experimental: modelos de experimentação animal e modelagem computacional onde serão avaliadas novas hipóteses e potenciais alvos terapêuticos; 3- estudos epidemiológicos serão conduzidos em associação com rede de pesquisadores de unidades de emergência e de terapia intensiva para caracterização de dados demográficos sobre Sepse no Brasil. (AU)

Publicações científicas (5)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
VENANCIO DE LIMA, EDUARDO OLIVEIRA; TASIMA, LIDIA JORGE; HATAKEYAMA, DANIELA MIKI; SERINO-SILVA, CAROLINE; BITTENCOURT RODRIGUES, CAROLINE FABRI; GALIZIO, NATHALIA DA COSTA; CHIARELLI, TASSIA; NISHIDUKA, ERIKA SAYURI; TEIXEIRA DA ROCHA, MARISA MARIA; SANT'ANNA, SAVIO STEFANINI; GREGO, KATHLEEN FERNANDES; TASHIMA, ALEXANDRE KEIJI; TANAKA-AZEVEDO, ANITA MITICO; DE MORAIS-ZANI, KAREN. Snake venom color and L-amino acid oxidase: An evidence of long-term captive Crotalus durissus terrificus venom plasticity. Toxicon, v. 193, p. 73-83, APR 15 2021. Citações Web of Science: 0.
CAMARA, GUILHERME A.; NISHIYAMA-JR, MILTON Y.; KITANO, EDUARDO S.; OLIVEIRA, URSULA C.; DA SILVA, JR., PEDRO I.; JUNQUEIRA-DE-AZEVEDO, INACIO L.; TASHIMA, ALEXANDRE K. A Multiomics Approach Unravels New Toxins With PossibleIn SilicoAntimicrobial, Antiviral, and Antitumoral Activities in the Venom ofAcanthoscurria rondoniae. FRONTIERS IN PHARMACOLOGY, v. 11, JUL 17 2020. Citações Web of Science: 0.
ADRIANA SIMIZO; EDUARDO S. KITANO; SÁVIO S. SANT’ANNA; KATHLEEN FERNANDES GREGO; ANITA MITICO TANAKA-AZEVEDO; ALEXANDRE K. TASHIMA. Comparative gender peptidomics of Bothrops atrox venoms: are there differences between them?. Journal of Venomous Animals and Toxins including Tropical Diseases, v. 26, p. -, 2020. Citações Web of Science: 0.
FIGUEREIDO LEITE, GIUSEPPE GIANINI; SCICLUNA, BRENDON P.; VAN DER POLL, TOM; SALOMAO, REINALDO. Genetic signature related to heme-hemoglobin metabolism pathway in sepsis secondary to pneumonia. NPJ SYSTEMS BIOLOGY AND APPLICATIONS, v. 5, AUG 1 2019. Citações Web of Science: 0.
SALOMAO, R.; FERREIRA, B. L.; SALOMAO, M. C.; SANTOS, S. S.; AZEVEDO, L. C. P.; BRUNIALTI, M. K. C. Sepsis: evolving concepts and challenges. Brazilian Journal of Medical and Biological Research, v. 52, n. 4 2019. Citações Web of Science: 2.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.